Outra vez arroz? – Risotto de camarão e lima

Há 2 anos atrás estávamos em Itália, sem imaginar que estaríamos a passar por isto agora. E foi lá que comemos os melhores risottos, claro!

Para matar saudades, não só de Itália, mas também dos restaurantes italianos ao qual não podemos ir, fiz um risotto de camarão e lima. Porque adoramos camarão e porque a frescura da lima nos faz viajar, arejar as ideias.

É suspeito, mas o meu amor adorou! Por isso, decidi partilhar convosco o passo a passo.

Processed with VSCO with a5 preset

Continuar a ler

Hambúrguer de Frango #homemade

Sempre me fez confusão os hambúrgueres pré feitos (de compra), seja do que for, carne de vaca, aves ou até vegetariano. Aquela sensação de não saber o que vai lá dentro, mexe comigo.

Gosto de fazer os meus próprios hambúrgueres e decidi partilhar convosco os que faço de frango, passo a passo, literalmente.

Para o fotografar da melhor maneira achei essencial o pão, mas sem querer sair de casa decidi aventurar-me no belo do brioche… E até que nem me saí mal!

Processed with VSCO with a5 preset

 

Continuar a ler

Brigadeiros #homemade

Desculpem as más influencias aqui deste lado! Mas há coisas que já não fazia há muito tempo, que esta quarentena me deu tempo (a mais!!) para fazer.

A segunda receita que vos trago, nesta saga do #homemade, é de brigadeiros. O aspeto conquista à primeira vista, mas quando imaginamos o processo, e contra mim falo, achamos que é um bicho de sete cabeças. Será que vai agarrar? ou queimar? ou não vai engrossar o suficiente?…

Calma malta… O truque é mexer, sempre. E com o foco no produto final…

Processed with VSCO with a5 preset

Continuar a ler

Focaccia #homemade

Nem parece meu.

Sendo cozinheira e passando a maior parte dos meus dias numa cozinha (nunca menos de 12 horas) em ambiente profissional, quando chego a casa perco o apetite só de olhar para um tacho. Era assim, até há uma semana atrás.

O Covid, que me mantém fechada em casa “parada” há mais de uma semana, deu-me apetite, até de mais!

Hoje foi dia de focaccia, que para quem não sabe, é um pão italiano, fofo e super saboroso, não fosse a sua base o azeite.

Processed with VSCO with a5 preset

Continuar a ler

Mini Bar Teatro, a cozinha que me viu crescer

Para quem não sabe, sou cozinheira a tempo inteiro, ou seja, só venho aqui nos poucos tempos livres que tenho. E no último ano a minha cozinha foi o Mini Bar Teatro, do Grupo José Avillez.

Foi um ano de aprendizagem, não só profissional mas também pessoal, com muitos altos e baixos. Um ano de novas experiências ao lado de uma equipa excepcional. Um ano que termina com a certeza de que esta foi a cozinha que me viu crescer. E com a certeza que deixará saudades.

Para despedida, decidi que era o momento certo para levar o meu amor a jantar ao restaurante que foi, no último ano, a minha segunda casa.

No Mini Bar, existem dois menus de degustação, o menu Épico (surpresa) e o menu Cartaz, mas como eu estou farta de saber o que cada um deles leva, optei pela terceira opção, escolhi à carta. Escolhi os que para mim são os melhores pratos da casa e os que sabia que o meu amor ia gostar, claro!

Por estar inserido num teatro, a carta do Mini Bar é dividida e servida por actos. E estes actos foram especiais, os chefes, o chef Marujo e o sub-chef João Santos, fizeram questão de trazer cada prato. (Obrigada!!!)

No primeiro acto temos aquelas pequenas entradas que se comem numa só dentada e que são compostas apenas por um elemento: a caipirinha e margarita comestíveis e as azeitonas explosivas. No segundo acto as entradas mais elaboradas: a gamba em ceviche, o frango assado e o croquetes de novilho com dijonaise.

Processed with VSCO with a5 preset

Continuar a ler