Vale do Gaio – mas que bem que se está no campo

O Vale do Gaio, perto de Alcácer do Sal, já era há muito um hotel que estava nos primeiros lugares da nossa wish list. Já lá tínhamos ido jantar, mas a estadia ficou sempre prometida. E esta foi a vez de cumprir.

Sendo o check-in às 15h, no dia aproveitámos para ir dar um mergulhinho à Comporta, que soube pela vida, com o calor que se fazia sentir! À chegada ao Hotel, foi-nos apresentado o quarto, muito simples, mas com uma vista sobre a barragem brutal!

Fomos de imediato explorar a piscina e todo o espaço exterior. Perfeito para desfrutar as paisagens e para descansar. Tudo o que precisávamos depois de um verão trabalhoso.

Processed with VSCO with a5 preset

Processed with VSCO with a5 preset

Continuar a ler

As ruas mais estreitas da Ericeira

Este post começou a ser planeado com o objetivo de fazer um top 3 das ruas mais estreitas da Ericeira, já tinha as 3 ruas em mente (eu juro!!), mas quando comecei a fotografar e comentei com o meu avô o que ia fazer, fomos-nos lembrando de mais e mais… Ficou impossível decidir.

Portanto, seguem-se 12 das ruas mais estreitas da Ericeira, com pouco mais ou pouco menos de 1 metro de largura, onde o trânsito não é problema!

Rua “sem nome” – Localizada no Largo dos Condes, dá acesso ao restaurante unisushi

Processed with VSCO with a5 preset

Continuar a ler

Já vos disse que adoro surpresas? E o Farol Design Hotel foi uma delas!

Devo confessar que é raro o meu amor me fazer surpresas, não é que ele não tente, eu é que nunca deixo que ele me surpreenda! (risos) Mas quando fizemos os 7 anos de namoro (sim 7, estou só à espera do anel!!) ele enganou-me bem, e por incrível que pareça não desconfiei de nada.

Foi em dezembro, ao final do dia 18 que ele me disse “prepara uma muda de roupa, vamos passear!”…  Mas como assim? Não se faz isto a ninguém e eu nunca mais me calei, de tão curiosa que estava. Mas só descobri o que ele estava a tramar quando chegámos ao destino, Farol Design Hotel, em Cascais.

Processed with VSCO with a5 preset

Continuar a ler

Se não perde um bom sunset, não pode perder este!

A caminho da Comporta, entre as suas praias e Alcácer do Sal, encontra-se a Carrasqueira, uma pequena aldeia piscatória. Por necessidade, no século passado, os pescadores construíram um porto com estacas e tábuas de madeira onde, ainda hoje,  atracam os seus barcos. O conhecido Cais Palafítico da Carrasqueira, é dos únicos existentes e o maior da Europa.

Confesso que estava ansiosa por visitá-lo, mas quando me deparei com a sua aparente instabilidade, hesitei… e claro que ouvi do meu amor “então querias tanto cá vir e agora não vamos até lá ao fundo?!”

É claro que fomos, e valeu muito a pena. Vimos um sunset de cortar a respiração. Como vão poder perceber…

Processed with VSCO with a5 presetProcessed with VSCO with a5 presetProcessed with VSCO with a5 presetProcessed with VSCO with a5 presetProcessed with VSCO with a5 presetProcessed with VSCO with a5 presetProcessed with VSCO with a5 presetProcessed with VSCO with a5 presetProcessed with VSCO with a5 presetProcessed with VSCO with a5 preset

É ou não é de cortar a respiração?!

Maria Lagariço

Alentour – as melhores tours personalizadas ao momento

Antes de mais, devo avisar que tudo o que vão ler a seguir sobre a Alentour, empresa pioneira em lazer turístico no Alentejo, será muito pouco provável de se repetir, já vão perceber porquê.

Foi-nos sugerido, por parte do Sobreiras – Alentejo Country Hotel, a realização de uma tour no Alentejo. As opções eram uma prova de vinhos, uma visita a um produtor de azeites ou uma viagem ao mundo da cortiça. A minha vontade apontou, de imediato, para o azeite (tal era a curiosidade e o entusiasmo que nem me lembrei que não estamos na época dele), claro que o meu amor decidiu pelo vinho, o que acabou por ser a escolha final.

No dia, tinha ficado combinado com o sr. Silvestre, proprietário e o único funcionário da empresa, que nos ia buscar ao hotel, por volta das 10 horas e assim foi. Antes de saírmos, as palavras da diretora do hotel foram: “Vão adorar! O Silvestre faz sempre umas tours personalizadas!“, pareceu-nos bem, mas nunca pensámos no que viria a acontecer.

Ao entrar no jeep  4×4o sr. Silvestre mostrou-se muito simpático e realmente incansável, e começou a conversa com: “O que mais gostavam de visitar pelo Alentejo?“… Mas como assim? Não estava marcada uma visita a uma adega e uma prova de vinhos? Pois, foi isso mesmo que ficámos a pensar.

84080535-c945-4877-a01c-96d6fa128f9c.jpg

Continuar a ler